Arquivo do Autor:admin

Previna-se contra o Câncer de Mama

O que é câncer de mama?

O câncer de mama é o tipo de câncer mais comum nas mulheres no Brasil. Também pode ocorrer nos homens, mas é mais raro. É uma doença causada pela multiplicação anormal das células da mama, que forma um tumor maligno. O câncer de mama tem cura, se descoberto no início.

Como é possível descobrir a doença cedo?

Por meio da realização de alguns exames, principalmente do exame clínico das mamas e da mamografia. Toda mulher com 40 anos ou mais de idade deve realizar o exame clínico das mamas e mamografia anualmente. Além disso, toda mulher entre 50 e 69 anos deve fazer pelo menos uma mamografia mesmo que não tenha sintomas. O risco de câncer de mama aumenta com a idade e o diagnóstico precoce aumenta a chance de cura do câncer

de mama.

O que é o exame clínico das mamas?

É o exame em que o médico ou enfermeiro observa e apalpa as mamas de sua paciente na busca de nódulos ou outras alterações.

O que é mamografia?

É uma radiografia das mamas, realizada por um equipamento chamado mamógrafo. É feita uma compressão das mamas para visualizar pequenas alterações o que permite descobrir o câncer de mama quando o tumor ainda é bem pequeno.

E as mulheres com história familiar de câncer de mama?

Uma parte delas tem herança genética e, por isso, é importante que procurem o médico para avaliar seu risco de desenvolver a doença. A mulher com mãe, irmã ou filha que teve câncer de mama antes dos 50 anos, ou câncer de ovário, deve, a partir dos 35 anos, realizar o exame clínico das mamas e a mamografia uma vez por ano.

Como a mulher pode perceber a doença?

O câncer de mama pode ser percebido pela mulher como um caroço, acompanhado ou não de dor. A pele da mama pode ficar vermelha ou parecida com uma casca de laranja ou surgirem alterações no bico do peito, o mamilo. Também podem aparecer pequenos caroços na região embaixo dos braços, nas axilas. Lembre-se de que nem sempre essas alterações são sinais de câncer de mama. Se observar alguma alteração a mulher deve procurar imediatamente uma unidade básica de saúde ou Ambulatório Saúde da Mulher.

O que mais a mulher pode fazer para se cuidar?

Existem ações que podem reduzir as chances de se ter várias doenças, inclusive o câncer:

Tenha uma alimentação saudável e equilibrada com frutas, legumes e verduras;

Procure controlar seu peso corporal, principalmente depois da menopausa;

Pratique atividades físicas;

Não fume;

Não consuma bebidas alcoólicas;

Converse com seu médico, caso você precise se submeter à reposição hormonal.

Deixe um comentário

Unhas fracas: conheça as principais causas do problema

É muito frequente no consultório a queixa de unhas fracas, que se quebram com facilidade, descamam e/ou enroscam nas roupas. Existe muita desinformação sobre o assunto: muitas pessoas acreditam que esse sintoma seja exclusivamente causado por deficiências na alimentação ou dietas restritivas. No artigo de hoje iremos conhecer melhor sobre esse problema que atinge, sobretudo, as mulheres, mas também alguns homens.

unhas2

Essa condição é conhecida como síndrome das unhas frágeis e é, na verdade, um diagnóstico de exclusão. Como várias doenças dermatológicas podem acometer as unhas e torná-las fragilizadas (como exemplo, podemos citar: a psoríase, líquen plano e micose; pessoas que roem as unhas ou que as manipulam excessivamente, entre outras condições menos comuns), o diagnóstico de síndrome de unhas frágeis só é possível quando existe fragilidade ungueal na ausência de doença dermatológica da unha.

Ao examinar as unhas, o dermatologista tem condições de verificar se as alterações ungueais que normalmente acompanham este problema estão presentes. Em geral, existe desfolhamento distal das unhas em duas ou mais camadas ou risquinhos perpendiculares à raiz da unha. O diagnóstico correto deve ser feito, portanto, através do exame dermatológico, história e exclusão de outras causas.

As causas das unhas frágeis são variadas, mas a grande maioria dos pacientes desenvolve a condição devido a hábitos e hobbies que envolvem um trauma da unha. Para entendermos melhor vale a pena saber que as nossas unhas são formadas por uma proteína chamada queratina. A consistência delas é resultado de reações químicas que ocorrem naturalmente na estrutura dessa proteína. Funciona como uma cola, que junta essas fibras de queratina, deixando a unha com a consistência que conhecemos.

O trauma constante das unhas pode levar a uma deficiência dessa cola, sobretudo quando estão presentes hábitos como manipulação de produtos químicos, exposição constante à água, vibrações transmitidas por instrumentos musicais, como é o caso de violinistas, tecladistas, datilógrafos, etc. Isso é bem mais impactante no desenvolvimento desta condição do que o estado nutricional do indivíduo.

Na grande maioria dos casos, salvo poucas exceções, como cirurgias do aparelho digestivo e deficiências nutricionais graves, alterações na dieta não prejudicam as unhas. A confusão ocorre porque o principal tratamento das unhas frágeis é feito com suplementação nutricional de biotina (vitamina B7), que pode levar a uma melhora destes quadros. No entanto, isso não tem qualquer valor se não for associado ao corte das unhas, hidratação e mudança dos hábitos que deflagram o processo.

Fonte: http://www.minhavida.com.br

Deixe um comentário

13 alimentos que controlam o colesterol alto

A dupla hábitos alimentares saudáveis e prática regular de exercícios físicos é capaz de manter as taxas de colesterol bom (HDL) e ruim (LDL) em perfeito equilíbrio, afastando de perto o risco de infarto e derrame cerebral, além de outras doenças como o Mal de Alzheimer. Quem sofre com o problema sabe bem que a solução para este mal não está nas pílulas. Nem que você siga à risca os horários e as doses dos remédios, sem controlar a alimentação, as taxas de colesterol jamais entram nos eixos. Mas o contrário até pode acontecer: há quem aprenda a montar pratos saudáveis e, desta forma, passe longe da farmácia. A seguir, confira a lista de alimentos, para encampar uma batalha contra o colesterol alto e sair vencedor (sem, é claro, abrir mão de comer bem).

alimentaçao

Peixes: Eles são excelente fonte de ácido graxo ômega 3, um tipo de gordura boa, do tipo insaturada, encontrada nos peixes de água fria, como salmão, atum e truta. “A gordura insaturada ajuda na redução dos níveis de triglicerídeos e colesterol total do sangue; reduz o risco de formação de coágulos, além de tornar o sangue mais fluido; sendo, portanto, importante aliada na prevenção das doenças cardiovasculares”, explica nutricionista da Unifesp Ana Maria Figueiredo Ramos.

Aveia: Além das fibras insolúveis, a aveia contém uma fibra solúvel chamada betaglucana, que exerce efeitos benéficos ao nosso organismo. Ela retarda o esvaziamento gástrico, promovendo maior saciedade, melhora a circulação, controla a glicemia (açúcar no sangue) e inibe a absorção de gordura (colesterol). “A aveia diminui as concentrações de colesterol total, lipídios totais e triglicerídios de forma significativa e aumenta a fração do bom colesterol (HDL)”, explica nutricionista da Unifesp Ana Maria Figueiredo Ramos.

Oleaginosas: Nozes e castanhas apresentam grande quantidade de antioxidantes, responsáveis por combater o envelhecimento celular e prevenir doenças coronárias, além de diversos tipos de câncer. A arginina, também presente em quantidades interessantes nas oleaginosas, atua como importante vasodilatador, contribuindo para a redução do risco de desenvolvimento de doenças do coração

Chocolate amargo: O leite e a manteiga de cacau acrescentam doses de gordura saturada na guloseima que provoca arrepios de desejo, principalmente nas mulheres. Mas o chocolate amargo pode fazer parte da sua dieta, porque é rico em flavonóides (substâncias que diminuem o LDL). Diariamente, inclua 30g do doce como sobremesa. Só não vale compensar: a porção de hoje não fica acumulada para amanhã, ou seu organismo não dá conta de aproveitar os benefícios.

Azeite: É fonte de ácido oléico, que regula as taxas de colesterol e protege contra doenças cardíacas. Faz bem ao aparelho cardiocirculatório e para controlar o diabetes do Tipo 2, reduzindo a taxa glicêmica. É também uma grande fonte de antioxidantes, como a vitamina E.

Alcachofra: Suas fibras são resistentes à ação de enzimas e por isso apresentam muitas vantagens, entre as quais: diminuição dos níveis de colesterol e triglicérides sanguíneos ; redução do risco de obesidade e diabetes, fatores de risco para a saúde do coração. Uma porção de 100 g possui apenas 50 calorias. “Como ela ajuda na quebra de gorduras e no controle do colesterol, é bastante recomendada para prevenir doenças cardíacas”, explica a nutricionista nutricionista da Unifesp Ana Maria Figueiredo Ramos.

Laranja: Ela não é boa só para gripes e resfriados. Um estudo realizado pela Universidade de Viçosa, em Minas Gerais, e publicado na revista American Heart Association, concluiu que os flavonoides, substâncias antioxidantes presentes na fruta, diminuem os níveis de LDL (colesterol ruim) no organismo, pois limitam a absorção do colesterol no intestino.

Vinho: A ingestão moderada da bebida (uma a duas doses por dia) promove elevação de aproximadamente 12% nos níveis de HDL, colesterol bom, semelhante à encontrada com a prática de exercícios. “A maioria dos efeitos protetores do vinho tinto são atribuídos aos flavanoides, que possuem propriedades antioxidantes, vasodilatadoras e anti-coagulante plaquetária”, diz Ana Maria.

Linhaça: A semente é um dos alimentos mais ricos em ômega 3, por isso, é responsável por prevenir doenças cardiovasculares, e evitar coágulos ao diminuir as taxas de colesterol total e de LDL colesterol (ruim) e aumentar as de HDL colesterol (bom). Os benefícios da linhaça se potencializam quando a semente é moída ou triturada, já que sua casca é resistente à ação do suco gástrico e passa sem sofrer digestão no trato gastrointestinal.

Canela: Pesquisadores da Kansas State University, nos Estados Unidos, constataram que consumir meia colher de sopa por dia desta especiaria tem papel importante no combate ao colesterol ruim (LDL). Os pesquisadores acreditam que tal redução é resultado da ação dos antioxidantes presentes na canela.

Soja: Além de ajudar a controlar problemas hormonais para as mulheres que estão na menopausa, a soja é uma excelente opção para quem quer proteger o coração: “ela ajuda a diminuir o colesterol ruim (LDL), aumenta o colesterol bom (HDL) e fortalece o organismo de infecções”, explica nutricionista da Unifesp Ana Maria Figueiredo Ramos.

Açaí: Apesar do alto teor de gordura do açaí, trata-se em grande parte de gorduras monoinsaturadas (60%) e poli-insaturadas (13%). Estas gorduras são benéficas e auxiliam na redução do colesterol ruim (LDL) e melhoram o HDL, contribuindo na prevenção de doenças cardiovasculares, como o infarto. Cada 100g do fruto tem 262 calorias. “O açaí tem gorduras que fazem bem para a saúde e por isso deve ser incluído no cardápio, porém, o ideal é consumi-lo sem adição de complementos muito calóricos, isso ajuda a manter a dieta”, sugere Robert Stella. Gorduras: 52%, Fibras: 25%, Proteínas: 10%.

Fonte: www.minhavida.com.br

Deixe um comentário

Siga sete cuidados com o corpo nos dias de calor intenso

calor

Hidratação em primeiro lugar

Nos dias quentes, o corpo precisa liberar calor por meio do suor para manter a temperatura corporal – eliminando água e sais minerais. De acordo com a nutricionista Flávia Ferazzo, sem a quantidade de água e sais minerais necessários, a pessoa fica com o metabolismo comprometido, podendo ter mais chances de sofrer lesões musculares, tonturas, cãibras, diminuição do desempenho físico, menor disposição e dificuldades de concentração.

“A sede é um sintoma tardio de falta de água – significa que o nosso corpo já está sofrendo uma pequena desidratação, explica a nutricionista. Por isso, é recomendado beber água aos poucos durante o dia, antes que a sede apareça. Uma dica para saber se seu corpo precisa de líquido é a urina – se for ao banheiro e perceber que ela está com cor escura e odores fortes, você está ingerindo pouca água. A urina deve estar bem clara, quase transparente!

Alimente-se bem

Algumas frutas e vegetais apresentam grandes quantidades de água em sua composição. A melancia, por exemplo, tem mais de 90% do seu peso em água, assim como as folhas verdes. “Outra fonte importante é o leite, que possui mais de 80% de água em sua composição”, declara Flávia Ferazzo. Além de serem ricas em líquidos, as frutas e verduras são fonte de potássio, mineral que precisa ser resposto quando há uma produção de suor muito intensa. “Portanto, invista também nos sucos de frutas para repor a água e os sais minerais perdidos em dias quentes”, recomenda a nutricionista.

O consumo de gorduras deve ser evitado em dias muito quentes, pois elas não são bem metabolizadas, por conta da perda de líquidos do organismo. O resultado de um almoço cheio de frituras, por exemplo, pode ser uma sensação de mal-estar e desconforto algum tempo depois.

Exercícios físicos

Durante a atividade física, a pessoa se desidrata e perde muito sódio e potássio. É preciso ingerir líquidos: “Apesar de não fornecer todos os nutrientes que os isotônicos possuem, a água já pode ser suficiente para controlar a temperatura corporal, retardar fadiga, prevenir câimbras e evitar o aumento da frequência cardíaca”, conta.

Nos dias quentes, a perda de fluídos no suor é ainda maior e pode variar conforme a intensidade do exercício. Quanto mais intensa e longa for a atividade física, maior deverá ser a quantidade de água ou bebida isotônica ingerida. Confira a dica da nutricionista Flávia Ferazzo para manter a hidratação antes, durante a após a atividade física nos dias quentes:

- Antes do exercício: tome de 400 a 600ml de água no mínimo duas horas antes de iniciar o exercício;

- Durante o exercício: caso o exercício tenha mais de uma hora de duração, tomar de 150ml a 350ml a cada 20 ou 30 minutos;

- Após o exercício: beba o suficiente para matar a sua sede.

Use roupas leves

A dermatologista Sara Bragança, membro da Sociedade Brasileira de Medicina Estética, explica que o ideal é usar tecidos de algodão e malha – que absorvem o suor – e evitar tecidos sintéticos, que atrapalham a evaporação da transpiração. “Também é importante evitar roupas de cores escuras, que absorvem mais o calor por não refletir a luz solar”, conta. Para evitar alergias e outros problemas de pele, procure lavar as roupas sempre que usá-las, sem repeti-las, e não usar peças de outras pessoas.

Para dormir fresquinho

Um dos maiores incômodos dos dias quentes é a hora de dormir, principalmente para pessoas que não têm um ventilador no quarto. A dermatologista Sara Bragança aconselha tomar um banho frio antes de deitar e evitar alimentos como chás e leite quente. “O ideal é usar roupas de dormir frescas, manter o quarto arejado com as janelas abertas e não usar qualquer tipo de cobertor”, diz.

Transpirando demais?

Para manter o efeito do desodorante o dia inteiro, a dermatologista Sara Bragança recomenda aplicar um antitranspirante logo após o banho, pois ele obstrui os ductos das glândulas sudoríparas, reduzindo a produção de suor. Manter axilas e virilha também depiladas ajuda a evaporar o suor e diminuir a proliferação de bactérias, responsáveis pelo mau cheiro. Caso você sofra com suor nos pés, é possível usar talco ou mesmo o antitranspirante usado nas axilas, que funcionará reduzindo a transpiração dessa área também.

Fuja do sol!

A temperatura corporal interna de uma pessoa deve ser de 37º C, independente do horário do dia. Para que o corpo não perca muito líquidos no esforço de se manter essa temperatura ideal, evite ficar exposto ao sol, principalmente, das 10 às 16 horas.

A exposição excessiva ao sol pode causar hipertermia, que é quando o corpo não consegue mais estabilizar o calor interno. “Nesse estágio, o organismo direciona toda sua energia para tentar dissipar o calor e, assim, algumas células param de funcionar, podendo causar desmaios graves”, diz o fisiologista do esporte Daniel Portella, da Secretaria de Esportes de São Caetano do Sul.

Deixe um comentário

Confira dicas de lanches saudáveis para seu filho

Os lanches são pequenas refeições intermediárias, que servem para dar energia à criança entre duas refeições principais. Essa energia tem como principal objetivo contribuir para um adequado crescimento e desenvolvimento da criança.

criançasd

As crianças estão em constante aprendizado e são muito ativas, brincam, correm e conversam com seus coleguinhas, professores e familiares. O ideal é que a criança faça de dois a três lanches por dia que devem ter cerca de 300 calorias. Devem ser compostos por carboidrato para que forneça energia, gordura para formação do sistema nervoso e proteína para a construção estrutural de músculos e líquido para hidratar.

Um lanche saudável não deve conter energia imediata e ser muito calórico, contendo excesso de açúcar e gorduras. Deve ser fonte de alimentos integrais, proteínas de boa qualidade e muitas vitaminas, minerais e fibras que contribuem igualmente para a produção de energia dentro da célula e também ajudam na prevenção de doenças e deficiências nutricionais.

Os melhores ingredientes para fazer lanchinho das crianças são os produtos naturais, frescos e feitos em casa, como por exemplo: frutas, suco natural, pão, bolo e bolachas integrais feitos em casa.

Alguns produtos industrializados podem ser opções. Atualmente existe no mercado biscoitos mais saudáveis, ricos em fibras e sem aditivos. A dica ao escolher o alimento é não deixar de ler os rótulos e comparar as marcas.

Para beber, o suco é a melhor opção. Se não for possível preparar um suco natural ou água de coco, pode-se optar pelo industrializado sem corantes, açúcar e conservantes.

Muitos pais não tem o hábito de consumir legumes e hortaliças na horário do lanche, mas eles são super bem vindo e ajudam as crianças a ter bons hábitos alimentares e a garantir o aporte necessário de nutrientes. O lanche geralmente é visto pelas crianças e adultos como um momento de diversão e a introdução de alimentos de mais difícil aceitação como hortaliças e oleaginosas, será importante para quebrar este “preconceito” e aprimorar a saúde da criança.

Alguns lanches muito calóricos podem ser transformados em lanches nutritivos como, por exemplo, a pipoca de microondas com sabor de manteiga, pode ser substituída por pipoca caseira feita na panela com óleo vegetal e sal. Outra ideia é modificar o tradicional misto quente em um sanduíche de pão de forma integral, azeite, queijo minas e peito de peru. Já a pizza pode ser transformada em torradas de pão integral assadas com queijo de minas, rodela de tomate, molho de tomate, orégano e azeite.

A seguir algumas ideias de lanches saudáveis para as crianças:

  • Frutas variadas espetadas em palitos de madeira como morango, melancia, melão, uvas e abacaxi.
  • Picolé de fruta caseiro: Sucos de fruta natural colocado em forminhas com palito de picolé levado ao freezer.
  • Salada de frutas.
  • Uvas soltas (uvas brancas e vermelhas).
  • Iogurte natural com fruta fresca e secas picadas.
  • Iogurte natural misturado com geleia de fruta adoçado com suco de fruta e farinha de linhaça.
  • Shake de frutas com leite vegetal ou iogurte natural e mel. Bata com cubos de gelo para ficar geladinho.
  • Legumes laminados como cenoura, aipo, pepino e tomate laminado e acompanhado de molho feito com iogurte natural ou cottage ou pasta de grão de bico. As crianças vão adorar mergulhar os palitinhos no molho. Essa é uma ideia crocante e que desperta a curiosidade.

Alguns lanches que não são saudáveis e devem ser evitados:

  • Refrigerantes devem ser abolidos. Não são nutritivos e são ricos em açúcar e sódio e contém aditivos químicos como corantes, conservantes e estabilizantes que podem causar alergias.
  • Biscoitos recheados são ricos em açúcar e geralmente contém gorduras trans, maléficas para a saúde.
  • Salgadinhos industrializados como batatas chips são ricos em sódio e gorduras e pobres em vitaminas e minerais.
  • Salgados fritos são ricos em sódio e gorduras e calorias
  • As famosas bisnaguinhas são repletas de açúcar, algumas ainda contem gordura trans e glutamato monossódico. A bisnaguinha tem o dobro de gordura do que o pão de forma tradicional! Por isso, é importante ter atenção e ler os rótulos.

(Fonte: http://www.minhavida.com.br)

Deixe um comentário

5 dicas para desintoxicar o corpo naturalmente

foto2

1. Limão: Beber água de Limão ajuda a equilibrar a acidez dos alimentos ingeridos. Beba no início da manhã, se você adicionar Semente de Linhaça moída, você irá promover a eliminação de toxinas.

2. Beterraba: A Beterraba é rico em vitamina B3, vitamina B6, Vitamina C e beta-caroteno. Ela também é uma grande fonte de ferro, magnésio, zinco e cálcio, minerais necessários para desintoxicar o corpo de forma rápida e eficaz. Seu alto teor de fibras ajuda a digestão e eliminar o desperdício.

3. Hortelã: A Hortelã é uma excelente fonte em vitamina A, vitamina B e vitamina E os minerais como o cálcio, fósforo, ferro e potássio. A Hortelã é uma planta indicada para a auxiliar para uma boa digestão, evitando os enjôos e outros problemas digestivos. A Hortelã também é um desinfetante natural, um ingrediente recomendável para soluções de lavagem bocal e pastas de dentes. O chá ou suco de hortelã podem ser usado para auxiliar na digestão, facilitando a limpeza e desintoxicação alimentar.

4 Alho: O Alho é um poderoso antivírus, anti-séptico e antibiótico. Ele Retira do seu corpo patógenos microbianos e toxinas endógenas. Os compostos de enxofre no alho é essencial para desintoxicar seu corpo.

5. Gengibre: O Gengibre estimula a digestão, alivia a constipação intestinal e Melhora o metabolismo. Ele é uma boa de vitamina C, cálcio, potássio, ferro, fósforo e magnésio. Além das fibras que é usado como um alimento digestivo e refrescante.

Essas toxinas são substâncias nocivas encontradas em aditivos, conservantes, corantes, adoçantes ou mesmo na poluição. Se por um lado, a alimentação pode causar intoxicação, por outro lado, existem alimentos como frutas e grãos, que ajudam a desintoxicar o organismo de forma natural e saudável.

 

Fonte: www.saudedica.com.br

Deixe um comentário

Aferição de pressão e teste de glicemia grátis!

Dia 14 de novembro é o “Dia Mundial do Diabetes” e é de grande importância informar à população sobre essa doença.
Pessoas com idade acima dos 45 anos, familiares próximos com diabetes, sobrepeso ou obesidade, sedentarismo, pressão alta, colesterol elevado ou uso de medicações que aumentam a glicose no sangue, são pessoas com maiores riscos de desenvolverem o Diabetes.
Como prevenção à doença, é recomendado uma alimentação saudável, sem excesso de gordura e açúcar, prática de exercícios físicos e exames de sangue periódicos para o controle da glicose.
A farmácia Droga Pires, preocupada com a qualidade de vida de seus clientes, oferece todos os meses aferição de pressão e teste de glicemia grátis!

EMKT teste glicemia

 

 

Deixe um comentário

Os Benefícios da Soja Para Saúde

Benefícios Nutricionais da Soja: A Soja é uma rica fonte de energia. O consumo de 100 gramas ela fornece cerca de 450 calorias. Além disso, O óleo de Soja contem uma grande quantidade de proteína. Ela também é uma excelente fonte de fibra dietética, Gorduras e vitaminas.

Soja

A Soja Reduz o Colesterol e Melhora a Saúde do Coração: A Soja é bastante útil em reduzir a quantidade de “colesterol mau” ou seja o colesterol LDL do corpo. A proteína da Soja Mostrou-se ter efeito benefício na redução do colesterol. Elas também têm baixa quantidade de gordura trans e saturada, que faz com que seja realmente benéfico para pacientes cardíacos. A Soja também contém lecitina que atua como um impulsionante de gordura natural que reduz o acúmulo de triglicerídeos e colesterol LDL nas artérias sanguíneas. Além disso, A Soja aumenta o colesterol HDL ( BOM) no corpo.

A Soja também é rica em ácidos graxos poli-insaturados, como o ácido linolênico que ajudam no bom funcionamento dos músculos lisos e regula a pressão arterial.

Benefícios da Soja Para Diabetes: A Soja é útil contra diabetes tipo 2 (diabetes mais comum). Ela auxilia no aumento do metabolismo e da produção de insulina no fígado. A insulina ajuda na regulação da glicose no corpo. Equol e diadzein presente na Soja ajuda na sensibilização à insulina. Assim, a adição de Soja na dieta podem ser realmente útil para os pacientes diabéticos.

Benefícios da Soja Para os Ossos: A Soja é uma rica fonte de Cálcio. Ela ajuda a fortalecer os ossos e aumenta a densidade óssea. As isoflavonas são encontrados em plantas como a Soja que aumenta a densidade do osso. Portanto, A Soja é bastante útil para mulheres que tem problemas com a osteoporose.
Benefícios da Soja Na Prevenção do Câncer: A Soja é uma fonte de ácido fítico que atua como um anti-oxidante que por sua vez, ajuda na luta contra o câncer. A Soja também contém sphingolipids que ajudam na prevenção do câncer de cólon. A Soja também é rica em fibras dietéticas que Mostrou-se ser benéfico para a digestão. portanto, com uma boa digestão e os movimentos dos intestinos estando em ótimas condições, a ocorrência de câncer de intestino é bastante reduzida. Além disso, Estudos realizados mostrou-se que a um composto na Soja, conhecido como peptídeos de proteína são úteis contra os câncer de cólon, fígado e de pulmão.

Soja Promove uma Digestão Saudável: A Soja é uma boa fonte de fibra dietética, portanto,tornando-se útil na digestão. Ela ajuda na prevenção de doenças e constipação diverticular.

Deixe um comentário

Os 16 Alimentos que Aumentam o Sistema imunológico

Os 16 Alimentos que Aumentam o Sistema imunológico

Um sistema imunológico saudável é como um trem de frete. Uma vez que você construir impulso, você pode quebrar quase qualquer obstáculo. Podemos comer alimentos que fornecem todos os nossos sistemas de proteção com exatamente o que eles precisam para que a maioria dos “erros” que encontramos nunca nos deixe doentes. Se uma infecção atingir um corpo saudável irá combatê-lo mais rápido do que um mais fraco. Quando a probabilidade de ficar doente é aumentado, como em hospitais ou escolas, deve-se comer bem para que o seu sistema imunológico fiquem bem, essa pode ser a diferença entre um dia de trabalho / escola e um dia doente. Aqui estão alguns dos melhores alimentos para o sistema imunológico.

Goji: bagas de goji secas geralmente pode ser encontrado em lojas de produtos naturais ou encomendados online. bagas de Goji contêm zinco, vitamina C, vitamina A, e polissacarídeos que combate as doenças e antioxidantes. As bagas de goji também contêm L-arginina e L-glutamina, que são dois aminoácidos úteis para o sistema imunitário. A baga longevidade, como bagas de gojis são conhecidos na China, pode também ajudar a equilibrar as bactérias benéficas no estômago.
Sabugueiro: sabugueiro contem uma quantidade moderada de diversos aminoácidos, vitamina A, vitamina B, e uma grande quantidade de vitamina C, que são benéficos para o sistema imunológico.
Mirtilos: Os Mirtilos contêm cerca de 1/4 da dose diária sugerida de manganês, vitamina C e vitamina K, bem como poderosos antioxidantes chamados antocianinas.
Nozes: As nozes contêm ômega-3 e ômega-6 ácidos graxos essenciais e são boas fontes de manganês, fósforo, magnésio e ferro. Nozes pretas podem ter benefícios digestivos adicionais, mas nozes inglesas contêm mais ômega-3 ácidos graxos. Nozes também pode impulsionar a função das células brancas do sangue.
Linhaça: Linhaça contém ácidos ômega-3 e ômega-6 ácidos graxos essenciais, e altos níveis de vitaminas do complexo B, selênio, cobre, fósforo, manganês, ferro, cálcio e são boas ou muito boas fontes de muitas outras vitaminas e minerais. Linhaça também pode impulsionar a função das células brancas do sangue.
Sementes de abóbora: Sementes de abóbora contêm vitamina K, vitaminas do complexo B e outros nutrientes, incluindo zinco, manganês e fitoesteróis. As sementes de abóbora pode ajudar na função da próstata.
Tahini: Tahini, ou manteiga de semente de gergelim, contém antioxidantes chamados lignanas. Um dos principais ingredientes do hummus, tahine, é também uma boa fonte de cálcio, ferro, zinco e magnésio e pode ajudar a fortalecer o coração, sistema vascular e o sistema respiratório.
Alho: O alho contém vitamina C, vitaminas do complexo B, manganês e alliums que são úteis no combate a infecções virais, bacterianas e fúngicas. O alho também aumenta a atividade das células brancas do sangue e pode ser especialmente útil para as pessoas com sistemas imunológicos comprometidos.
Gengibre: Gengibre é amplamente indicado por muitos problemas digestivos e respiratórios. O gengibre tem propriedades anti-sépticas internos e externos e pode reduzir a inflamação, bem como uma série de outros benefícios para o sistema imunológico, isso foi relatado em estudos na Inglaterra, Dinamarca, Isreal e outros. Na reunião anual da Associação Americana para Pesquisa do Câncer, Dr. Jennifer Rodé afirma que o gengibre causou a morte celular das células do câncer de ovário que se tornaram resistentes a chemothearpy. Gengibre pode ser facilmente adicionado a muitas receitas vegetais.
Melancia: A melancia contém níveis moderados de vitamina C, vitamina A e os níveis elevados do carotenóide licopeno. Estudos mostram que a melancia ajuda a eliminar o amoníaco do corpo e aumenta os níveis de L-arginina, que ajuda a curar feridas mais rápida.
Cogumelos Shiitake: Shiitake contêm zinco, potássio, manganês, selênio, vitaminas do complexo B e altos níveis de cobre. Shiitake e os extratos que podem ter Propriedades anti-virais e têm sido o foco de diversos estudos como um possível tratamento do cancer.
Frutas Cítrico: Frutas cítricas são fontes de alta disponibilidade de vitamina C, que é um potente antioxidante que pode bloquear histamina e reduzir a inflamação. Espremido na hora e sucos cítricos orgânicos podem conter mais nutrientes por porção do que se concentrar e convencional.
Ostras: As Ostras contêm altos níveis de zinco, cobre, selênio, ferro, vitamina B12 e vitamina D. As ostras são boas fontes de ácidos graxos essenciais. Os ácidos graxos em ostras podem reduzir os sintomas de um sistema imunológico hiperativo e promover a saúde gastrointestinal.
Sardinhas: Sardinhas contêm altos níveis de vitaminas do complexo B, vitamina D, selênio e ácidos gordos essenciais. As Sardinhas conter níveis moderados de muitas vitaminas e minerais que suportam o sistema imunológico, tornando-o uma escolha especialmente saudável entre os peixes. O instituto nacional de envelhecimento começou a formar um estudo em 2009 sobre os efeitos dos ácidos graxos encontrados em sardinha e outros peixes no sistema imunológico.
Atum: Atum está amplamente disponível como conservas de peixe e contém altos níveis de vitaminas do complexo B, fósforo e zinco, bem como níveis moderados de muitos outros minerais. O atum é um dos peixes mais populares nas dietas. Houve muitos estudos que foram consumido 2 à 3 porções de peixe por semana, susceptíveis de ser atum, e apresentaram sintomas reduzidos de artrite reumatóide, psoríase e outros tipos de transtornos inflamatório. Muitos pesquisadores e médicos acreditam que estas doenças são resultado de um sistema imunológico em mau funcionamento.
Couve: A Couve contém níveis muito elevados de vitaminas K, A e C, bem como níveis moderados do cobre, selênio, manganês e muitos outros minerais e fitonutrientes. A Couve é benéfico para o sistema imunológico porque é uma rica fonte de nutrientes necessários para o funcionamento adequado.

Fonte: www.saudedica.com.br

Deixe um comentário

Os 16 benefícios de beber água quente com limão

Um copo de suco de limão contém menos de 25 calorias. Ele é uma rica fonte de nutrientes, como Cálcio, Potássio, Vitamina C e fibras de pectina. Ela também tem os valores medicinais e propriedades antibacterianas. Ele também contém traços de Ferro e Vitamina A .
Limão, é uma fruta popularmente conhecida por suas propriedades terapêuticas, ajuda a manter o seu Sistema Imunológico e, portanto, protege-lo das garras da maioria dos tipos de infecções. Ele também desempenha o papel de um purificador do sangue. O Suco do Limão é considerado como um fabuloso anti-séptico e também faz maravilhas para as pessoas que têm problemas cardíacos, devido ao seu alto teor de Potássio. Assim, incluindo em sua rotina diária, um copo de água quente de limão na parte da manhã você irá desfrutar de seus benefícios para saúde. Leia mais Os 16 Benefícios de Beber Água Quente com limão.

Água-Quente-com-limão

 

Os Benefícios de Beber Água Quente com limão

O Limão é uma excelente fonte de vitamina C, um nutriente essencial que protege o organismo contra as deficiências do sistema imunitário.
O Limão contêm fibra pectina que é muito benéfico para a saúde do cólon e também serve como um poderoso anti-bacteriano.
O Limão Ajuda a equilibra e manter os níveis de pH no organismo.
O Suco de limão quente no início da manhã ajuda a eliminar as toxinas.
O Limão ajuda na digestão e estimula a produção de bile.
O Limão também é uma grande fonte de ácido cítrico, de potássio, de cálcio, Fósforo e Magnésio.
O Limão ajuda a prevenir o crescimento e a multiplicação de bactérias patogênicas que causam infecções e doenças.
O Limão ajuda a reduzir a dor e inflamação nas articulações e joelhos enquanto ele se dissolve o ácido úrico.
O Limão ajuda a curar o resfriado comum.
O Alto teor de potássio no limão ajuda as células nervosas do cérebro e a nutrir.
O Limão fortalece o fígado, fornecendo energia para as enzimas do fígado, quando eles são muito diluída.
O Limão ajuda a equilibrar os níveis de cálcio e de oxigênio no fígado Em caso de azia, tomar um copo de suco de limão concentrado pode dar alívio.
O Limão é de grande benefício para a pele e evita a formação de rugas e acne.
O Limão ajuda a manter a saúde dos olhos e ajuda a luta contra problemas oculares.
O Limão Auxilia na produção de sucos digestivos.
O Suco de limão ajuda a repor os sais do corpo, especialmente depois de uma sessão de treino intenso.
O Limão por ser muito benefícios a saúde é uma boa forma de começar o seu dia com um copo de suco de limão quente. A sua limpeza e efeitos de cura terá efeitos positivos na sua saúde a longo prazo. No entanto, é muito importante notar que o sumo de limão, quando entra em contato direto com os dentes, pode estragar o esmalte dos dentes. Por isso, é aconselhável consumi-lo diluído e também lavar a boca cuidadosamente após beber suco de limão.

 

Fonte: http://www.saudedica.com.br/

Deixe um comentário

Page 1 of 111234510...Last »